Rihanna é uma das estrelas globais da nova campanha da Rimowa


A pandemia interrompeu, talvez para sempre, a maneira como as pessoas viajam. A Rimowa viu uma oportunidade de mudar a conversa.

Hoje, a marca de bagagens de propriedade da LVMH está lançando uma nova campanha com as estrelas globais Rihanna e Patti Smith, bem como os ex-embaixadores LeBron James e Roger Federer. "A campanha é uma mudança em relação aos anúncios anteriores da Rimowa e é parte de um esforço maior por parte da marca para se afastar de sua reputação atual e passar a ser uma "marca de mobilidade" mais abrangente", como disse o presidente-executivo Hugues Bonnet-Masimbert.

O poder de Rihanna, bem como a aparência e sensação editorial da campanha, a distingue dos anúncios anteriores da marca. Em uma imagem totalmente saturada, Rihanna olha para a câmera diretamente, encostada em uma máquina de gelo em um beco escuro. Ela - assim como a crossbody de policarbonato branco pendurada no peito - serve como o ponto focal da imagem.


Apesar dos mais de 120 anos de história da Rimowa, a construção de legado - ou melhor, a mudança de legado - é exatamente o que ela está tentando fazer. Após o lançamento de novas categorias de produtos, incluindo bolsas crossbody, a intenção das últimas mensagens da marca é ampliar tanto seu apelo quanto suas ambições, com base em um esforço de toda a empresa.

"Estamos tentando mudar a maneira como as pessoas olham para suas bagagens, de algo que é lindo... um acessório que também expressa quem somos enquanto viajantes" - disse Bonnet-Masimbert.


"As imagens de RiRi parecem pertencem a uma Vogue ou Vanity Fair", disse Sandra Habib, diretora de estratégia da empresa de branding Siegel + Gale, que não trabalha na campanha. "Isso está sinalizando que há uma mudança novamente, do produto para mais estilo de vida. Você ainda vê o produto em cada foto, mas geralmente as marcas que são marcas de estilo de vida não estão necessariamente focadas em um único item ou nem mesmo têm seus produtos principais em suas imagens." - disse Habib.

A Rimowa tem sido alvo de rumores em torno de suas ambições na moda desde que a LVMH adquiriu uma participação de 80% em 2016 por US$ 716 milhões. Mesmo antes da pandemia, a LVMH havia definido a meta de que a Rimowa chegasse a US$ 1,18 bilhão em vendas entre 2023 ou 2024.



Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem